Kerkythea

Kerkythea

Este tópico contém respostas, possui 1 voz e foi atualizado pela última vez por  DDida 9 anos, 7 meses atrás.

  • Autor
     |  586 Views Posts
  • #1269

    Bom dia a todos
    Para aqueles que gostam de usar o renderizador Kerkythea ou gostariam de conhecê-lo, uma novidade, esta disponivel no site do Kerky um tutorial em Português (Brasil) traduzido por Ezequiel M Rezende, vejam no link
    http://www.kerkythea.net/joomla/index.php?option=com_remository&Itemid=42&func=select&id=13
    até

  • #1272

    Valeu, boa dica!

    T+ 😀

  • #1293

    Oi pessoal
    Preciso de ajuda de voces usuários de Kerkythea.
    Fiz uns testes um tempo atrás ficaram deprimentes, larguei, mas quero tentar de novo.
    Preciso saber o que é aquele monte de regulagem. O que são e para que servem, alguem tem noção de um texto, manual, tutorial que explique estas regulagens. as que fiz ficaram tudo rosa e azul claro.
    danado.
    obrigado

  • #1309

    Ola a todos.
    A um tempo atrás, navegando no fórum do Babboo, achei uma conversa entre menbros daquele fórum com dicas de regulagens do Kerkythea. Naquela época eu copiei as dicas, gostaria de colocar os créditos do autor(es), mas à dias que não consigo entrar no BabbooFórum, mas assim que conseguir vou achar o autor e colocar seus créditos. Aproveitem as dicas de:

    Dicas de Kerkythea

    Existem vários tipos de luz no KT:
    Omini Light, Spot Light, Project Light, Sun (luz do sol) e Emitters

    Omini Light é uma luz infinita, como se fosse a luz do sol, ela pega em todas as direções.
    Spot Light é uma luz que é direcionada, fica tipo um cone e o feixe de luz forma um círculo na área da luz.
    Project Light é tipo o Spot Light mas em vez da área iluminada ser uma redonda, ela é quadrada.

    Essas luzes são mais simples e fáceis de usar, para adicioná-las na sua cena vá em Insert e lá tem as opções Omini Light, Spot Light, Project Light. A luz geralmente é criada “aonde você esta”, ou seja na sua “câmera” ou visão. Ai para mexer a luz e apontar pro lugar certo apenas clique 2x no nome da luz que você criou que fica na esquerda da tela naquela lista grande que tem os nomes de todos os materiais. O nome vai estar abaixo de Lights, obviamente… e afasta um pouco sua visão para poder mexer na luz.

    A luz Sun que é a do sol é a que mais se usa geralmente. Ela é uma luz infinita, pega em todas as direções, funciona tipo o sol do Sketchup. Pra colocar, você faz o seguinte: Vai no Settings > Sun and Sky, ai vai aparecer uma janela, o Sun and Sky Wizard.
    Nela você coloca o sol e o céu.
    A primeira parte é o horário e a localidade, é igual no Sketchup… clica em Next para seguir adiante ou Sun Already Exists se você já tinha feito o sol e não quer mudar.

    Na segunda parte você escolhe o céu. No skytipe tem varias opções. Coloque por exemplo a ultima, Physical Sky que ele já cria um céu bonito. Nessas opções as cores do céu se auto ajustam, se for de tardezinha por exemplo o céu vai estar mais amarelado, dependendo da localidade também… aperta Finish para sair do Wizard. e pronto agora você tem um céu legal é só renderizar.

    Configuração de luzes:
    Pra fazer isso vá em Settings > Scene…
    Vai abrir uma janela, na aba Lights onde você configura as luzes. Cheque a opção Soft Shadow, para dar suavidade nas sombras das luzes.
    Na área measures, o slider Radius define a distancia do Soft Shadow, suavizando a sombra..

    O slider Multiplier ajusta a intensidade da luz junto com o slider Color.
    Na área Radiance você tem o slider Color geralmente branco, se você botar para baixo a luz fica mais escura e você pode colocar qualquer outra cor.
    Na parte de baixo tem um lugar para você escolher qual luz quer mexer, do sol ou luz que você criou. Você tem que botar soft shadow para cada uma se quiser a sombra mais suave.
    Ainda tem as opções de remover as luzes
    Depois de configurar as luzes do jeito que você quiser, clique Ok.

    Ainda tem o tipo de luz Emitter, que é luz de material, essa luz deve ser usada com cuidado por que dependendo de como ela é colocada pode demorar mais o rendertime.

    Tente primeiramente renderizar uma imagem de tamanho 200×200 e com preset 3.
    Que é photom map quick, só para ver como vai ficar e quanto tempo demora.
    Depois se você estiver satisfeito coloque o tamanho da imagem que você quer e outro preset photom mapping, lembrando que os primeiros são de menor qualidade e os últimos são de maior qualidade, ou seja, os primeiros são mais rápidos e os últimos vão demorar bastante para renderizar. Tudo isso depende da complexidade da cena também.

    Diálogo do fórum.
    Estranho o KT não renderiza linhas. A não ser que você tenha colocado essa opção. Mas por garantia, vá na lista de material que fica do lado esquerdo da tela. Debaixo de Models vai ter os nomes dos materiais na sua cena. Selecione os materiais e clique com terceiro botão do mouse. Uma janela vai aparecer. Vá em Outline > None . Essa opção outline escolhe se você quer linhas ou não.

    O céu como eu disse antes, ele se ajusta dependendo dos horários, localidade e etc, que você colocou. Então vai no Sun e Sky Wizard e configure-o novamente, siga os passos como descrevi acima, usando o Physical Sky.
    As luzes eu expliquei acima também.
    Também vejo que você está utilizando o Ray Tracing Low como render preset, escolha algum outro para a imagem ficar melhor.

    Agora vou falar sobre os render presets e como renderizar:

    Depois que você configurou a sua cena, colocou as luzes e tudo mais, você vai renderizar.
    Para renderizar clique no botão verde onde tem a imagem do boneco correndo (Start Render). Uma janela vai aparecer com 4 campos: câmera, Resolution, Settings e Threads.

    Em Câmera você escolhe a câmera que você quer renderizar a imagem. A Current View é a imagem que está na sua tela.

    Em resolution você escolhe o tamanho da imagem, quanto maior a imagem mais demora para renderizar.

    Em Settings você escolhe qual preset render você quer. Digamos que a ordem está do “pior” para o “melhor” (mais qualidade). Mas quanto mais qualidade mais tempo demora para renderizar.

    Ray Trancing Low – É o método mais simples de renderização. Recomendo essa opção antes da render final para você ter uma idéia de como vai ficar a cena.

    Photon Map (PM) é um método de iluminação fake. Ele usa truques para simular a luz real. Existem 10 presets photon map no KT. Eu recomendo o primeiro PM (03.Photon Map Quick) numa resolution baixa, tipo 320×240, para ter uma idéia de como vai ficar a cena com photon map. Depois você renderiza com o tamanho que quiser usando 06. PhotonMap – Medium + AA 0.3 ou mais alto dependendo de quanto tempo você quer esperar ou a potência do seu computador.
    AA siginifica Anti Aliasing. Isso define melhor os cantos da sua imagem.
    Caustics é um efeito, tipo quando a luz passa por um vidro, ela reflete, refrata diferente.

    Um calculo mais real de como a luz age sobre certos materiais. por exemplo:
    http://www.3drender.com/light/figures/compare600.jpg
    A da esquerda sem, a da direita com caustics. O problema é que caustic demora muito para calcular, só use se você realmente precisa disso.

    Os 3 últimos são path tracing, eles fazem um calculo mais real da luz, unbiased.
    Como dito anteriormente as opções 17. Path Tracing – Progressive, 18. Bidirectional Path Tracing e 19. Metropolis Light Transport são progressivas, ficam até você parar. Estes métodos demoram mais para tirar o noise (sujeira da imagem), mas são de boa qualidade.

    No final ainda temos o Clay Render, que usa photon map. O Clay Render substitui todos seus materiais por um material que é tipo Clay (Argila), isso pode ser bom para simular tipo uma maquete.

    O Ambient Occlusion eu não sei o que é direito. Mas deixa a cena melhor do que o photon map na minha opinião. A iluminação também fica diferente. Mas o tempo não é preciso, ele varia de acordo com sua cena.
    Depth Render e Mask Render são úteis se você quiser usar como layer no photoshop.

    Em Threads, se você tiver um computador com mais de um processador ou core, você escolhe lá a quantidade que você quer ultilizar, vai mais rápido os renders.

    Depois disso é só clicar OK para renderizar e no botão Image onde tem um desenho de uma arvorezinha você pode ver usa imagem, salvar e ajustar outras coisas como o gamma e etc.

  • #2039

    Olá! Sou nova aqui no fórum mas ja sei um pouco de skt e kerkythea. Queria dizer ao arqpadao muito obrigada mesmo pelas dicas, muito boas!
    Agora tenho uma dúvida, tem alguns materiais do kerk -tipo piso ceramico- que quando renderiza, fica totalmente distorcido, metade p um lado, metade p outro lado. Alguém sabe me dizer como acabar c esse problema?
    Obrigada 🙂

  • #7035

    Aloha galera! Primeiro quero agradecer pelo tutorial em português do Kerkythea. já baixei o programa direto do site dele, também.

    Achei o plugin para exportar os modelos do sketchup para o Kerkythea. Mas ta página de onde achei o plugin, tem três opções:

    Página de Plugins do Kerkythea

    SU2KT 3.0 SketchUp Exporter & Lighting Fixtures (Windows Installer)

    SU2KT 3.0 SketchUp Exporter & Lighting Fixtures (Zip)

    SU2KT Light Components.

    Qual desses eu pego para exportar modelos do Stetchup para o Kerkythea ?

    Desde já agradeço! Um abraço á todos e um excelente fim de semana!

  • #7112

    Valeu Padão! Mt bom seu informativo, a galera do KT agradece!

Você deve fazer login para responder a este tópico.